Notícias
Entenda a relação do sangramento nasal com o tempo seco


Nas últimas semanas o Estado de São Paulo atingiu níveis extremamente baixos de umidade relativa do ar, chegando a índices abaixo de 20%, quando o recomendado é, pelo menos, 60%, segundo a OMS (Organização Mundial de Saúde).

O baixo teor de umidade no ar ambiente pode resultar em secura e irritação das mucosas. Este fator é comum nos meses de inverno, e nos locais com aquecimento central, sem umidificadores. A vermelhidão da mucosa do nariz, que acompanha a rinite alérgica ou viral, pode propiciar pequenos traumas, levando ao sangramento.

Mas o que fazer na hora do sangramento? Sangramentos nasais são muito comuns, mas nem sempre graves. As principais causas são exposição ao ar seco e manipular o interior do nariz.

Se o nariz começar a sangrar, o principal é saber como proceder. A maioria dos casos cessa espontaneamente. Mas como saber se é sério ou não ou quando procurar um hospital ou um especialista?

A recomendação é buscar algum tipo de atendimento quando esse sangramento é em grande quantidade, causando dificuldade de respirar quando deixar muito pálido, cansado ou com confusão mental não cessar, mesmo com as medidas realizadas em casa acontecer logo após uma cirurgia do nariz, ou se você tem, sabidamente, alguma lesão intranasal vier acompanhado de outros sintomas, como dor no peito acontecer após algum trauma, como ser atingido na face não parar, e fizer uso de algum anticoagulante ou antiagregante plaquetário.

Evitar sangramentos também pode ser tomado com algumas medidas bem práticas, como usar um umidificador no quarto deixar sempre a mucosa nasal úmida, com sprays nasais/soro fisiológico e tomar cuidado ao manipular o nariz, para evitar pequenos traumas, que podem levar a um sangramento.

Se o nariz estiver sangrando em casa, dá para fazer alguns procedimentos para tentar reverter a situação, como assoar. Isso pode aumentar o sangramento em um primeiro momento, mas não precisa se assustar. É preciso ficar sentado ou em pé com a cabeça inclinada para frente e não deitar ou colocar a cabeça para trás. Em seguida, aperte suas narinas por alguns segundos (na ponta do nariz). Depois, fique pressionando o nariz, com papel descartável, por alguns minutos. Enquanto isso, respire pela boca. Mas se o sangramento persistir, repita os passos. Se mesmo assim não parar de sangrar, o ideal é procurar um especialista.



Central de atendimento (11) 4185-7600 | Fale conosco - SAU (11) 4185-7693
Hospital Geral de Carapicuíba | Rua da Pedreira, 95
Parque José Alexandre - Carapicuíba/SP